Image Alt

Escola Profissional de Agricultura e Desenvolvimento Rural
de Marco de Canaveses

A EPAMAC conta com 30 anos de existência a formar profissionais competentes na área da Agricultura e do Desenvolvimento Rural.

Para além de uma formação de qualidade, a escola oferece alimentação, alojamento e transporte aos jovens que a frequentam.

A EPAMAC está inserida numa quinta com 85 hectares, situada no concelho de Marco de Canaveses. Ministra três cursos profissionais de Nível IV (secundário): Técnico de Produção Agropecuária, Técnico de Turismo Ambiental e Rural e Técnico de Gestão Equina, bem como um Curso Educação Formação (Nível III- básico) Operador de Jardinagem.

Para dar apoio pedagógico ao funcionamento desses cursos, possui uma exploração agrícola polivalente, um centro equestre federado de 4 estrelas e várias estruturas ligadas ao Turismo Rural, que permitem o contacto diário dos alunos dos seus cursos com o mundo real do trabalho. Neste momento a escola conta com 220 alunos oriundos de mais de 30 concelhos distintos. A EPAMAC tem vindo, ao longo dos anos, propiciado a formação profissional qualificante a inúmeros jovens, contribuindo para o seu desenvolvimento pessoal e social e para a sua entrada no tecido produtivo.

A missão da escola visa um crescimento sustentado que engloba a contínua aposta na vertente agrícola e nas suas áreas afins, de forma a dinamizar o setor. Para tal urge fazer alguns investimentos em instalações, como é a conclusão da nova residência escolar, a compra de novos equipamentos e a melhoria dos existentes.

DOWNLOAD
Auto-Avaliação

DOWNLOAD
Avaliação Externa

Visita guiada

A Escola Profissional de Agricultura e Desenvolvimento Rural de Marco de Canaveses (EPAMAC) foi criada em 19 de dezembro de 1989. Ao longo de 30 anos a EPAMAC esteve sempre atenta às alterações socioeconómicas do meio, pelo que foi crescendo e alargando a sua oferta formativa. O crescimento e a diversificação criaram novos desafios e exigências, que resultou igualmente na requalificação do edificado, redimensionamento dos meios e das acessibilidades.

video

Para a boa consecução dos seus objetivos pedagógicos, a escola conta com 85 ha de exploração agrícola e florestal, onde se encontram vários edifícios de caraterísticas arquitetónicas marcadamente rurais – seis casas de caseiro em granito, com eira, lagar e espigueiro tradicionais, bem como um moinho de penas.

Existe, ainda, vacaria, estufas, sistema de hidroponia, viveiros, pomares, vinhas, culturas arvenses, oficina e parque de máquinas, viveiro de trutas, apiário, parques de criação de perdizes, parques de criação de Gamos, parque de criação de coelho bravo e Campo de Treino de Caça.

Recentemente, e acompanhando o desenvolvimento das atividades do curso TGE, surgiu um o centro hípico, classificado já com quatro estrelas pela Federação Equestre Portuguesa. A este conjunto de espaços e instalações, acresce ainda a requalificação da residência escolar bem como dos equipamentos que servem de apoio quer à prática pedagógica corrente e na sua dimensão comercial de exploração.

Presentemente possui três cursos profissionais de nível secundário, respetivamente: Técnico de Produção Agropecuária, Técnico de Turismo Ambiental e Rural e Técnico de Gestão Equina e um curso do ensino básico (CEF).

O teu futuro começa aqui