Image Alt

Curso Técnico Vitivinícola

O Técnico(a) de Vitivinícola é o profissional qualificado para orientar e intervir em todas as operações desde a cultura da vinha até ao engarrafamento, incluindo a colheita de uvas, os processos de vinificação, armazenamento e envelhecimento, respeitando e implementando todas as práticas necessárias para garantir a qualidade do vinho.

Componente Sociocultural
Componente Científica Componente Técnica
Português Matemática Viticultura
Inglês Biologia Enologia
Área de Integração Fisica e Química Fruticultura
Educação Física Modos de Produção Sustentável
Comunicação e Empreendedorismo Mecanização
Marketing Agroalimentar
Formação em Contexto de Trabalho
    • Coordenadores de equipas de trabalho em vinhas e adegas;
    • Planificar, coordenar e executar as tarefas necessárias à instalação da vinha;
    • Adegueiro/Catevista responsável pelas instalações e operações na área de enologia;
    • Gestor de stocks de uma adega;
    • Provador/Escanção de vinhos e aguardentes;
    • Técnico analista, de vinhos e derivados em laboratório;
    • Controlo de qualidade de vinhos;
    • Técnico de vendas de vinho e outros derivados vitivinícolas

Equivalência ao 12º Ano

Certificado de Qualificação Profissional Nível 4

Ingresso no Mercado de Trabalho

Acesso ao Ensino Superior

Acesso à carta de condução de tratores agrícolas

Aplicador de Fitofármacos

DOWNLOAD
Brochura do Curso

Balanço muito positivo.

Foram três anos de bastante aprendizagem, pautados, simultaneamente, com momentos de diversão e de respeito

Judite Correia,

Experiências novas e espetaculares...

que contribuíram bastante para o meu crescimento, como aluno vem como pessoa, tais como viagens ao estrangeiro, por exemplo a Espanha, a França, a Estónia…. Sendo numa destas visitas onde encontrei o tema para a minha PAP, e outros novos métodos de produção agrícola utilizados noutros países.

João Martins,

O balanço é fantástico

Nas disciplinas não técnicas, como eramos um grupo pequeno quase era como ter uma aprendizagem individual e direcionada às dificuldades de cada um. E, tal só era possível porque o ensino era prestado por um grupo de docentes muito competente e dedicado”.

António Sousa,

Inscrição