Image Alt

Curso Produção Agricola (CTeSP)

Os Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTeSPs) são cursos superiores de curta duração conferem um Diploma de Técnico Superior Profissional. São classificados como cursos de nível 5 do EQF (Quadro Europeu de Qualificações) e QNQ (Quadro Nacional de Qualificações) e de nível 5 do ISCED 2011 (Classificação Internacional Normalizada da Educação).

Um CTeSP tem 120 créditos ECTS e uma duração de dois anos curriculares de trabalho dos alunos. O plano de formação de um CTeSP integra as componentes de formação geral e científica, de formação técnica e de formação em contexto de trabalho. Os titulares de um Diploma de Técnico Superior Profissional podem prosseguir os estudos de Licenciatura.

Prosseguimento de estudos:

Os titulares de um Diploma de Técnico Superior Profissional, atribuídos pela Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Bragança (ESA-IPB) podem concorrer à matrícula e inscrição nos cursos de licenciatura do IPB, ao abrigo do disposto no regulamento dos concursos especiais de acesso ao ensino superior.

A formação efetuada no CTeSP é creditada na Licenciatura do IPB em que o titular do Diploma de Técnico Superior Profissional seja admitido. O nível de creditação de competências (equivalências) depende da afinidade do CTeSP com o curso de Licenciatura escolhido.

Condições de Acesso:

Podem candidatar-se à inscrição num CTESP:

a) Os titulares de um curso de ensino secundário ou de habilitação legalmente equivalente;

b) Os que tenham sido aprovados nas provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do ensino superior dos maiores de 23 anos, realizadas para o curso em causa;

c) Os titulares de um diploma de especialização tecnológica, de um diploma de técnico superior profissional ou de um grau de ensino superior que pretendam a sua requalificação profissional.

O Técnico Superior em Produção Agrícola é um profissional qualificado para gerir e dinamizar a atividade agrícola em empresas privadas, organizações de produtores, cooperativas ou por conta própria, aplicando planos de exploração coerentes e técnicas culturais racionais, que permitam utilizar os recursos de forma sustentável, obter produtos de qualidade, gerar mais-valias económicas para a empresa e respeitar os valores ambientais.

Exercer funções técnicas e de gestão em empresas do sector agrícola e agroindustrial; associações de agricultores e cooperativas, organismos públicos e privados, empresas de distribuição, certificação e controlo de produtos alimentares.

Os titulares de um Diploma de Técnico Superior Profissional, atribuídos pela Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Bragança (ESA-IPB) podem concorrer à matrícula e inscrição nos cursos de licenciatura do IPB, ao abrigo do disposto no regulamento dos concursos especiais de acesso ao ensino superior.

A formação efetuada no CTeSP é creditada na Licenciatura do IPB em que o titular do Diploma de Técnico Superior Profissional seja admitido. O nível de creditação de competências (equivalências) depende da afinidade do CTeSP com o curso de Licenciatura escolhido.

DOWNLOAD
Brochura do Curso

Balanço muito positivo.

Foram três anos de bastante aprendizagem, pautados, simultaneamente, com momentos de diversão e de respeito

Judite Correia,

Experiências novas e espetaculares...

que contribuíram bastante para o meu crescimento, como aluno vem como pessoa, tais como viagens ao estrangeiro, por exemplo a Espanha, a França, a Estónia…. Sendo numa destas visitas onde encontrei o tema para a minha PAP, e outros novos métodos de produção agrícola utilizados noutros países.

João Martins,

O balanço é fantástico

Nas disciplinas não técnicas, como eramos um grupo pequeno quase era como ter uma aprendizagem individual e direcionada às dificuldades de cada um. E, tal só era possível porque o ensino era prestado por um grupo de docentes muito competente e dedicado”.

António Sousa,

Inscrição